A- A A+

Sozi Meri Volgel começou na educação por acaso e há cinco anos trabalha como segunda professora, atendendo alunos com deficiência. O primeiro contato com a educação foi inesperado, mas a partir disso a profissão se tornou sua maior paixão.

A professora explica que trabalhar com educação, sobretudo educação especial, é o que a faz muito feliz. “A escola é minha paixão. A gratificação pessoal é muito grande, estou no meio de uma comunidade, da educação como um todo e isso é muito bom para mim”, ressalta.

Manter o contato e a convivência do aluno com deficiência com o restante da turma sempre foi uma das prioridades da professora. Em 2016, Sozi começou a acompanhar as aulas de Luiz Fernando Barros Fernandes, portador de Síndrome de Down, na EEB Irineu Bornhausen, em Florianópolis.

Meu Livro de Contos           

A professora conta que no início das aulas acompanhando Luiz Fernando observou que o jovem não tinha desenvolvimento com letras, números e desenhos. Normalmente, quando pegava algum desenho qualquer, Luiz utilizava apenas o lápis verde, sua cor favorita por causa do personagem Hulk, e riscava toda a figura.

“Em uma dessas vezes que o Luiz desenhou entreguei uma figura de um dinossauro. Quando olhei o que ele tinha feito estava tudo pintado maravilhosamente e, para minha surpresa, o dinossauro estava todo colorido”, conta. Conversando com o aluno, a professora entendeu que aquela era a forma do estudante se expressar e se reconhecer.

A partir daí o aluno começou a desenhar cada vez mais e a professora começou a ajudar na criação das histórias daqueles desenhos. Foi então que surgiu a ideia de escrever um livro com as histórias e desenhos feitos por Luiz para que pudesse ser apresentado na Feira de Ciências da escola.

Surgiu então o projeto Sou um escritor com Síndrome de Down, que deu origem ao Meu Livro de Contos. Lançada em setembro deste ano, a obra foi uma surpresa para a mãe do aluno, Leuza Rodrigues Barros, que destaca a importância do trabalho de Sozi na vida do filho. “O meu relacionamento em casa mudou muito com ele. O Luiz está mais responsável e centrado”, conta orgulhosa.

A professora comemora o resultado do projeto e se diz orgulhosa com a evolução do aluno. “Minha maior alegria foi ver que ele conseguiu fazer tudo isso. É visível a evolução dele em vários sentidos e só temos a evoluir ainda mais”, finaliza.

Governo de Santa Catarina | Secretaria de Estado da Educação
Rua João Pinto, 111 | Centro | Florianópolis | SC | CEP 88010-410
Telefone: (48) 3664-0000
Horário de Funcionamento: das 12 às 19 horas
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento:  logo ciasc rodape | Gestão do conteúdo: SED | Acesso restrito