TwitterFacebookYoutubeInstagram

Educação Empreendedora Marcos Antonio Ferreira Foto Wallace Moraes

A etapa estadual do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora reconheceu professores de duas escolas da rede Estadual de Ensino de Santa Catarina. Os projetos desenvolvidos foram premiados nas categorias Ensino Fundamental e Ensino Médio. O prêmio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), destaca iniciativas que valorizam o ensino e o empreendedorismo.

Na categoria Ensino Fundamental, o 3º lugar ficou com o projeto Água ainda temos, quer matar a sede?, do professor Marcos Antonio Ferreira, com colaboração de Michele Carlin Padilha Silveira e Paula Andressa Goetten , da Escola de Educação Básica Trinta de Outubro, de Lebon Régis. O projeto que tirou o 1º lugar nesta categoria foi a Bionatural Composteira, da professora Daiane Luchetta Ronchi de Almeida, da rede municipal de Pomerode, que já foi docente da Rede Estadual.

O 1º lugar da categoria Ensino Médio ficou com o projeto O Dia da Família na Escola, de Oscar Ruthes, com a colaboração de Alessandra Fischborn e Priscila Valentino Santos, da Escola de Educação Básica Holando Marcelino Gonçalves, de Jaraguá do Sul.

Prêmio Educação Empreendedora Oscar Ruthers Foto Wallace MoraesA diretora de Gestão da Rede Estadual da Secretaria de Estado da Educação (SED), professora Isabela Fornari Muller, destacou os esforços do Governo do Estado para aprimorar a educação pública em Santa Catarina. “Em quatro meses de gestão, avançamos em pontos importantes e estamos com a agenda cheia, ouvindo os professores e diretores para fazer um ensino público de referência”, comentou.

O Programa Nacional de Educação Empreendedora existe desde 2013. E já contemplou cursos para mais de seis mil professores, em mais de 70 instituições parceiras de Santa Catarina. Os primeiros colocados de cada categoria concorrem na etapa regional Sul e, se classificados, irão disputar a etapa nacional do Prêmio, em setembro.