Santa Catarina Secretaria de Estado da Educação
Escola-Aberta-Rudolfo-Meyer.jpg
  • Banner
SED realiza reunião para execução do Plano de Ação do Programa Escola Acessível 2012 PDF Imprimir E-mail
Sex, 05 de Outubro de 2012 13:45

Com o objetivo de traçar propostas de gestão do Programa Escola Acessível, do Ministério da Educação (MEC), a Secretaria de Estado da Educação (SED) discutiu, em reunião na quinta-feira (04), encaminhamentos para orientar e acompanhar a elaboração dos Planos de Atendimento a serem elaborados por 383 unidades escolares da rede estadual de ensino.

O Programa Escola Acessível destina recursos financeiros, oriundos do Programa “Dinheiro Direto na Escola (PDDE)”, às escolas públicas de Educação Básica das redes municipais, estaduais e do Distrito Federal. O público alvo são alunos da educação especial em classes comuns, os quais devem ser aplicados em ações que garantam condições de acessibilidade.

Participou da reunião um grupo composto por técnicos das diretorias responsáveis pela proposição e execução de políticas educacionais da SED e pela Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE), o qual acordou sobre a realização de quatro Webconferências que terá a função de orientar as 36 Gerências Regionais de Educação (Gereds) e a equipe gestora das unidades escolares.

“Trata-se de uma proposta de trabalho conjunta envolvendo diversas áreas do conhecimento e setores da Secretaria e da FCEE, seguindo o princípio do compartilhamento de responsabilidades com a construção de um sistema educacional inclusivo”, comentou a técnica e coordenadora da reunião, Rita Kleber.

 

Objetivo do Programa – De acordo com o documento elaborado pelo MEC, o Programa objetiva promover a acessibilidade e inclusão de alunos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação, matriculados em classes comuns do ensino regular. Visa, ainda, assegurar seu direito de compartilharem os espaços comuns de aprendizagem, por meio da acessibilidade ao ambiente físico, aos recursos didáticos pedagógicos e às comunicações e informações.

 

Objetivos específicos – Adequar a arquitetura ou a estrutura dos espaços físicos reservados à instalação e funcionamento de salas de recursos multifuncionais, a fim de atender os requisitos de acessibilidade; adequar sanitários, alargar portas e vias de acesso, construir rampas, instalar corrimão e colocar sinalização tátil e visual; adquirir mobiliário acessível, cadeiras de rodas, material desportivo adaptado e outros recursos de tecnologia assistiva.

 

Governo de Santa Catarina | Secretaria de Estado da Educação
Rua Antônio Luz, 111 | Centro | Florianópolis | SC | CEP 88010-410 | Telefone (48) 3664-0600 - (48) 3664-0500 | sed@sed.sc.gov.br
Resolução mínima 1024x768 pixels