A- A A+

Avaliação Educacional

As avaliações em larga escala e suas contribuições ao processo de ensino e aprendizagem Na prática…

Censo Educacional

A obtenção do retrato da realidade educacional do Brasil, dos estados, dos municípios e dos…

Indicadores Educacionais

Nas últimas décadas, os indicadores têm assumido papel de destaque na gestão educacional…

censo escolar

A obtenção do retrato da realidade educacional do Brasil, dos estados, dos municípios e dos estabelecimento de ensino ocorre por meio do Censo Educacional, constituído pela Educação Básica e pela Educação Superior.

Tanto no Censo da Educação Básica quanto no Censo da Educação Superior, as informações são coletadas anualmente e o preenchimento dos dados é de responsabilidade das escolas e das instituições de educação superior, respectivamente. Abaixo são apresentadas as características, os procedimentos e a periodicidade de cada uma das coletas.

 

Censo da Educação Básica

O Censo Escolar da Educação Básica é um levantamento de dados estatístico-educacionais de âmbito nacional realizado todos os anos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) com a colaboração das Secretarias Estaduais e Municipais de Educação e com a participação de todas as escolas públicas e privadas. Estas informações são armazenadas no banco de dados do Sistema Educacenso.

Trata-se do principal instrumento de coleta de informações da educação básica, que abrange suas diferentes etapas e modalidades de ensino: ensino regular (educação infantil e ensinos fundamental e médio), educação especial, educação profissional e educação de jovens e adultos (EJA). O Censo Escolar coleta dados sobre estabelecimentos, matrículas, docentes, movimento (alunos transferidos, falecidos e que deixaram de frequentar) e rendimento (aprovação e reprovação) do aluno.

Essas informações são utilizadas para traçar um panorama da educação básica e servem de referência para a formulação de políticas públicas e execução de programas na área da educação, incluindo os de transferência de recursos públicos como merenda e transporte escolar, distribuição de livros e uniformes, implantação de bibliotecas, instalação de energia elétrica, Dinheiro Direto na Escola e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Além disso, os resultados obtidos no Censo Escolar sobre o rendimento e movimento (abandono) escolar dos alunos do ensino Fundamental e Médio, juntamente com as outras avaliações do Inep (Saeb e Prova Brasil), são utilizados para o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

Hoje, o banco de dados do Sistema Educacenso possui informações de alunos e docentes vinculados as escolas de todo o Estado de Santa Catarina, tanto na rede pública quanto da privada.

A coleta de dado é executada em duas etapas:

Matrícula inicial: coleta dados individualizados de escolas, turmas, alunos e profissionais escolares em sala de aula, tendo como referência a última quarta-feira do mês de maio.

Situação do Aluno: coleta informações de rendimento (aprovado e reprovado) e movimento (transferido, deixou de frequentar e falecido), dos alunos vinculados na Matrícula Inicial.

Consulta:
-- Sistema Educacenso 2015
-- Sistema Educacenso 2016

Censo da Educação Básica 2017

Neste ano, a coleta de dados do Censo Escolar terá como referência o dia 31/05, com a coleta iniciando na mesma data e encerrando em 31/07. Durante esse período, serão coletados dados detalhados e individualizados de escolas públicas e privadas, bem com turmas, alunos e profissionais escolares em sala de aula.

Os dados serão inseridos no Sistema Educacenso, através de preenchimento online ou via ferramenta de Migração de Dados. Essa segunda opção é utilizada pelas escolas que possuem sistema próprio de gestão, possibilitando a migração dos dados diretamente para o banco do Inep, como é o caso das escolas estaduais que migrarão seus dados a partir do SISGESC.

Além de aperfeiçoar o trabalho de escolas e servir como base de dados para gestores da educação estadual, o processo de migração para o Educacenso vai servir para melhor situar o estado em uma radiografia detalhada do sistema educacional brasileiro.

Além dos diretores e equipes escolares, que são os responsáveis por garantir a fidedignidade das informações, o processo de coleta e migração de dados envolve membros de várias diretorias da Secretaria de Estado da Educação (SED), das Gerências Regionais de Educação, e Coordenadoria da Grande Florianópolis e Instituto Estadual de Educação, além de contar com o apoio institucional e operacional do INEP.

Para mais informações quanto ao cronograma do Censo Escolar 2017, verificar as portarias abaixo indicadas:

Portaria SED nº 1104, de 08 de maio de 2017, publicada no Diário Oficial do Estado de 11/05/2017. Estabelece os procedimentos, datas e responsáveis para a execução do processo de migração de dados do Sistema de Gestão Educacional de Santa Catarina - SISGESC, para o Sistema Educacenso.

Portaria SED nº 1106, de 08 de maio de 2017, publicada no Diário Oficial do Estado de 11/05/2017. Estabelece os procedimentos, datas e responsáveis para a execução das duas etapas do Censo Escolar da Educação Básica 2017, em Santa Catarina, a partir das diretrizes estabelecidas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - INEP.

Endereço de coleta para o Censo Escolar: www.educacenso.inep.gov.br

Resultados:

 Consultas:


Censo da Educação Superior

O Censo da Educação Superior é realizado pelo INEP e constitui-se num levantamento estatístico de âmbito nacional que coleta dados sobre as Instituições de Educação Superior (IES) que ofertam cursos de graduação e sequências de formação específica, seus alunos e docentes, oferecendo à comunidade acadêmica e à sociedade em geral informações sobre ingressos, matrículas, concluintes, vagas, dados de financiamento estudantil, recursos de tecnologia assistiva disponíveis às pessoas com deficiência, entre outros.

Os dados são coletados anualmente no Sistema CenSup, por meio de questionários, preenchidos pelos Pesquisadores Institucionais (PIs), indicados pelo dirigente legal da instituição.  Também são importados dados do Sistema e-MEC.

O INEP disponibiliza os Manuais, Legislação, Leiaute de Migração e todas as informações sobre o Censo da Educação Superior, orientando o seu preenchimento e disponibiliza os resultados por meio do ResumoTécnico  e  InepData, além de Sinopses Estatísticas e disponibilização de Microdados, possibilitando transparência dos dados coletados a cada edição do Censo e acessibilidade à população.

O CenSup é pré-requisito para a participação das instituição em programas do Ministério da Educação, como o Prouni, o Fies e as bolsas da Capes. Ele também subsidia a avaliação, o cálculo do Conceito Preliminar de Curso (CPC) e o Índice Geral de Cursos (IGC), indicadores da qualidade da Educação Superior.

Os dados coletados são subsídios para a formulação e implementação de políticas de melhoria contínua da educação no País e compõem o Indicador Aluno Equivalente – Graduação, utilizado para a distribuição de recursos orçamentários para as universidades federais.

Consulta:


Mais informações:
Gerência de Avaliação da Educação Básica e Estatística Educacional vinculada à Diretoria de Políticas e Planejamento Educacionais
Telefone: (48) 3664 0071
Emails: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.- Solicitações de Dados e Informações Estatísticas Educacionais do Estado de Santa Catarina



 

Governo de Santa Catarina | Secretaria de Estado da Educação
Rua João Pinto, 111 | Centro | Florianópolis | SC | CEP 88010-410
Telefone: (48) 3664-0000
Horário de Funcionamento: das 12 às 19 horas
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento:  logo ciasc rodape | Gestão do conteúdo: SED | Acesso restrito